5 filmes que vão quebrar a sua cabeça

Está com saudades de Doonie Darko? Então venha conferir essa lista!
3

Alguns filmes vão muito além de simplesmente nos entreter ou divertir, são obras que nos fazem pensar e refletir por muito tempo após os créditos subirem, e ás vezes sendo até preciso procurar por teorias para entendê-los.

E embora não sejam muitos, não é difícil lembrar de algum deles, afinal, eles marcam gerações e se tornam atemporais. Pense bem, aposto que se não assistiu, ao menos já ouviu falar em Donnie Darko (2001), esse filme é tão complexo e fascinante ao mesmo tempo que se tornou um clássico dos ‘mindfuck’.

Há também muitos outros longas que não podem ser esquecidos e por isso separamos 5 filmes pra você que adora quebrar a cabeça procurando por respostas sem fim.

O Homem Duplicado (2013)
homem-duplicado-parada-geek

Nessa obra adaptada do livro homônimo de José Saramago, o diretor Denis Villeneuve recria a história de um professor, interpretado por Jack Gyllenhaal, que vive praticamente a ‘mesma’ coisa todos os dias, pois segundo o próprio protagonista, todas as coisas seguem um padrão, e a sua vida é uma pacata rotina.

No entanto, ao assistir um filme, acaba encontrando um ator idêntico a ele e sua vida muda completamente ao ir em busca desse sósia, se afundando em mistérios e envolvendo mais pessoas do que gostaria.

MINDFUCKÔMETRO: barra1

Os Outros (2001)

os-outros-parada-geek

A princípio esse parece ser mais um filme de suspense, mas vai muito além disso. A história é sobre Grace (Nicole Kidman), a qual decidem ir morar numa mansão em uma ilha com seus dois filhos alérgicos a luz solar, enquanto espera o seu marido voltar da 2ª Guerra Mundial.

Rodeados de regras estranhas, como não poder abrir uma porta sem fechar a anterior e não poder abrir nenhuma cortina, a vida dessa pequena família vai se tornando cada vez mais conturbada, ainda mais quando decidem contratar funcionários que passam a desobedecer essa regras.

MINDFUCKÔMETRO: barra-l1

A Origem (2010)

a-origem-parada-geek

Quando se lê Christopher Nolan na direção, já se sabe que o filme tem um grande potencial para ser excelente. Afinal, Nolan é o responsável por Amnésia, outra grande obra que também merece ser vista.

A Origem abusa da criatividade e efeitos gráficos para contar um enredo absurdo: Cobb (DiCaprio) ganha sua vida roubando segredos do inconsciente das pessoas enquanto elas estão dormindo. No entanto, cansado da vida que leva, ele aceita uma das missões mais arriscadas para poder largar tudo pra trás: plantar uma ideia na mente de um herdeiro de um império econômico.

MINDFUCKÔMETRO: barra-a1

Leia também: crítica do filme A Chegada, a obra mais mindfuck de 2016

Os Suspeitos (2013)

os-supeitos-parada-geek

Novamente o diretor Villeneuve e o ator Jack Gyllenhaal se juntam para fazer mais um grande filme. Em Os Suspeitos, Keller Dover (Hugh James) é um pai de uma garotinha, a qual, no dia em que a família Dover vai almoçar na casa de seus amigos, desaparece junto com sua amiga.

Sem pistas, sem testemunhas e sem nenhum avanço da polícia, Keller e seu amigo Franklin decidem encontrar suas filhas pelos seus próprios métodos. Mas nessa corrida contra o tempo e com os ânimos alterados, certas decisões colocarão em dúvida seus princípios e a noção do que é certo ou errado.

MINDFUCKÔMETRO: barra-v1

Sr. Ninguém (2009)

sr-ninguem-parada-geek

O ano é 2092 e Nemo Nobody (Jared Leto) com 118 anos é o último mortal num planeta de seres imortais. No entanto, esse fato não é o mais importante, mas sim, o que aconteceu durante todo esse tempo? Qual foi o caminho que Nobody percorreu? Quem ele realmente é?

Não diferente dos anteriores, esse filme te faz pensar e pensar novamente. De fato, é um filme muito complexo e que pode até ser desanimador nos seus primeiros minutos, mas aos persistentes (persistentes mesmo, o filme conta com quase 2:30h) o final se mostra surpreendente, para aqueles que conseguiram juntar todas as peças, obviamente.

MINDFUCKÔMETRO: barra1

 

Já conhecia algum desses filmes? Tem mais filme ‘muito Black Mirror’ para indicar? Comente aí para nós!

  • Agora me diga, e aquela aranha gigante no final de O Homem Duplicado?

    • Quando você acha que está entendendo alguma coisa, você descobre que não entendeu nada, haha.

      Mas, segundo minha interpretação, o tamanho da aranha (que são vistas através do subconsciente do protagonista) varia de acordo com a importância de cada mulher na sua vida, como sua esposa estava grávida, ela era gigante, já sua mãe, por exemplo, era maior que os prédios da cidade (ela aparece depois que ele tem a conversa com ela)