DII Sem Máscaras, uma iniciativa de conscientização global, é lançada no Brasil para ajudar a comunidade de pacientes com doença inflamatória intestinal

Brasil apresenta o time de super-heróis, desenvolvido e ilustrado em colaboração com a Marvel Custom Solutions, para destacar a força e inspirar a confiança nas pessoas que vivem com a doença
0

 

 

 

Se alguém com doença inflamatória intestinal (DII) fosse um super-herói, como ele seria? Quais características ele representaria? Talvez coragem, força e determinação – três características demonstradas pelos membros da comunidade global de DII que combatem essa doença todos os dias. Hoje, a Takeda Farmacêutica Brasil lança a campanha DII Sem Máscaras, a primeira iniciativa global (de seu tipo) projetada para elevar a conscientização sobre os super-heróis não reconhecidos da comunidade global de DII, celebrada por meio de uma colaboração única com os gênios criativos da Marvel Custom Solutions.

 

 

 

Existem hoje mais de cinco milhões de pessoas em todo o mundo que vivem com DII1, sendo os dois tipos mais comuns a retocolite ulcerativa (RCU) e a doença de Crohn (DC). Para essas pessoas, atividades cotidianas como reunir-se com amigos, familiares ou ir ao cinema podem ser desafiadoras2,3. A campanha DII Sem Máscaras apresenta um novo time de super-heróis da DII, uma série de ilustrações gráficas desenvolvidas pela Marvel Custom Solutions e um painel internacional de pacientes para destacar os desafios físicos e emocionais de se viver com DII.

O novo time de super-heróis e a nova série de histórias em quadrinhos estão disponíveis on-line pelo site www.diisemmascaras.com.br, que apresenta quizzes interativos, fatos, infográficos, perguntas e respostas. Nele, o usuário pode criar e compartilhar seu avatar de super-herói e baixar recursos que podem ajudá-lo a empoderar-se ao falar com médicos, família ou amigos sobre sua condição.

A doença inflamatória intestinal afeta pessoas de todas as idades e o diagnóstico é mais comum no início da idade adulta. Pessoas com DII geralmente podem se sentir isoladas quando diagnosticadas, e mesmo o fato de discutirem o momento que estão passando pode ser difícil. De acordo com um grande estudo europeu de pessoas que vivem com DII, 48% dos entrevistados relataram que suas vidas são significativamente impactadas pelos sintomas da doença mesmo entre crises, 35% informaram que a DII impactou em seus relacionamentos pessoais e 26% contaram que a DII interferiu na maneira de fazer ou manter amizades.3

“Os pacientes que são portadores da doença inflamatória intestinal enfrentam uma longa jornada para gerenciar a doença e se adaptar com as atividades diárias”, afirma Dra Marta Machado, Gastroenterologista e Presidente da Associação Brasileira de Colite Ulcerativa e Doença de Crohn (ABCD). “A iniciativa DII Sem Máscaras encoraja todos os pacientes que vivem em silêncio a falarem sobre suas experiências com a DII, compartilhando seus desafios e grandes conquistas com seus amigos e familiares. Ser diagnosticado com DII pode ser difícil de adaptar inicialmente, mas discutir os sintomas com um profissional de saúde pode ajudar os pacientes no acesso ao tratamento, na decisão compartilhada das condutas terapêuticas e no apoio que precisam”, complementa Dra Marta.

“Como empresa, estamos focados no fornecimento de informação e apoio contínuo à comunidade médica e de pacientes com doença de inflamatória intestinal. Em parceria com a Marvel Custom Solutions, estamos explorando o poder da narrativa visual para aumentar a conscientização e ajudar as pessoas que vivem com DII a se sentirem mais confiantes ao se expressar com a família, amigos ou mesmo a comunidade de DII”, conta Rodrigo Rodriguez, diretor da Unidade de Negócios de Prescrição da Takeda Farmacêutica Brasil. “A Takeda, sempre colocando como foco o paciente, orgulha-se de lançar a campanha DII Sem Máscaras no Brasil e espera estimular conversas produtivas, mudar as percepções e melhorar a compreensão do impacto dessa doença a fim de proporcionar apoio contínuo aos pacientes com DII”, reforça Rodrigo.

Sobre a retocolite ulcerativa e a doença de Crohn2

A retocolite ulcerativa (RCU) e a doença de Crohn (DC) são marcadas por inflamação no trato gastrointestinal. A RCU afeta apenas o intestino grosso, que inclui o cólon e o reto. Os sintomas mais comuns da RCU incluem desconforto abdominal e diarreia com sangramento. A DC pode afetar qualquer parte do trato digestivo e os sintomas mais comuns podem incluir dor abdominal, diarreia, hemorragia, perda de peso e febre. Não há nenhuma causa conhecida para RCU ou DC, embora muitos pesquisadores acreditem que a interação entre genes, o sistema imunológico e os fatores ambientais desempenham um papel motivador. O objetivo dos tratamentos de RCU e DC é induzir e manter a remissão, ou alcançar longos períodos de tempo em que os pacientes não apresentem os sintomas.

 

O Compromisso de Takeda com Gastroenterologia

A Takeda é líder mundial em gastroenterologia. Com experiência de mais de 25 anos, a dedicação da companhia à inovação continua a evoluir e tem um impacto duradouro. A partir da década de 1990, a Takeda foi pioneira em avanços gastroenterológicos com inibidores da bomba de prótons. Desde então, as capacidades globais da Takeda expandiram-se para o mercado de cuidados especializados em gastroenterologia e produto biológico com foco na retocolite ulcerativa e na doença de Crohn. A experiência da Takeda também permanece focada em agentes terapêuticos que trabalhem para reduzir a produção de ácido no estômago e opções para o tratamento de constipação crônica idiopática, síndrome do intestino irritável com constipação e constipação induzida por opióides. A Takeda conduz seus esforços em pesquisa e desenvolvimento interno e por meio de parceiros para permanecer na vanguarda da inovação. Seus esforços em P&D estão focados ente uma das áreas a especialidadede gastroenterologia e continua empenhada em oferecer opções terapêuticas inovadoras para pacientes com doenças gastrointestinais e hepáticas.

A Takeda está entre as 10 principais farmacêuticas do Brasil e tem duas fábricas instaladas em território nacional – Jaguariúna (SP) e São Jerônimo (RS) –, contando com quase 2.000 colaboradores Na área de prescrição médica, as principais especialidades atendidas no Brasil são: gastroenterologia, cardiometabólica e imunologia, além da oncologia, lançada em 2015.

 

Para saber mais sobre as iniciativas da campanha DII Sem Máscaras, acesse www.diisemmascaras.com.br.